Loading ...
Sorry, an error occurred while loading the content.

Vlpk Vifik_portuguese

Expand Messages
  • vekigulacerbon
    Volapük Vifik Curso postal em 10 lições, oferecido pela FBV: Lärnod balid Lärnod telid Lärnod kilid Lärnod folid Lärnod lulid Lärnod mälid Lärnod
    Message 1 of 1 , Aug 6, 2005
    • 0 Attachment
      Volapük Vifik


      Curso postal em 10 lições, oferecido pela FBV:


      Lärnod balid
      Lärnod telid
      Lärnod kilid
      Lärnod folid
      Lärnod lulid
      Lärnod mälid
      Lärnod velid
      Lärnod jölid
      Lärnod zülid
      Lärnod degid

      Escrito por Ralph Midgley, transformado em html por Thomas Leigh e Ken
      Caviness (versão em português por Aender dos Santos
      [Laändär], Brasilän).


      Para mais informações a respeito do Volapük, do curso postal, de
      Sirkülapenäds (boletins informativos), dicionários, etc.,
      entre em
      contato com:

      Ralph Midgley
      Flenef Bevünetik Volapüka
      24 Staniwell Rise
      Scunthorpe
      South Humberside
      DN17 1TF
      England.

      ou por correio eletrônico: <rbmidgley@...>
      Volapük Vifik: Lärnod Balid

      "Guia de Sons do Volapük"

      O alfabeto do Volapük é composto de 27 letras, que são:

      a, ä, b, c, d, e, f, g, h, i, j, k, l, m, n, o, ö, p, r, s, t,
      u, ü,
      v, x, y, z -- 8 vogais e 19 consoantes.

      As vogais são pronunciadas da seguinte maneira:
      A: como A em "pAz"
      Ä: como E em "Era"
      E: como E em "mEsa"
      I: como em "gIz"
      O: como O em "Ostra"
      Ö: como o EU do francês em "jEU"
      U: como em "crUz"
      Ü: como o UE do francês em "rUE"

      As consoantes são pronunciadas da seguinte maneira:
      B, F, P, V: Pronunciam-se como em português.
      D: como o D em "Dona", diante de I não se pronuncia como o
      D de
      Dinheiro, na pronúncia carioca ou do Sudeste, mas como na
      pronúncia do
      Nordeste.
      L: como o L em "Lua", no final de palavras deve ser
      pronunciado como
      se faz no Sul do Brasil, ou seja, não deve ser pronunciado com o
      som
      de `u'.
      M: como M em "Maria", não deve nasalizar a vogal que o
      preceda.
      N: como N em "Nada", não deve nasalizar a vogal que o
      preceda.
      T: como T em "Tudo", diante de I não se pronuncia como o T
      em Tipo, na
      pronúncia carioca ou do Sudeste, mas como na pronúncia do
      Nordeste.
      K: sempre como o C de "Casa".
      Y: é uma semivogal; deve ser pronunciada rapidamente, como o I de
      caI.
      H: como no inglês "House", ou seja, uma leve aspiração,
      semelhante aos
      RR de "caRRo" sem uma pronúncia muito forte.
      C: como na combinação TCH da palavra "TCHau".
      G: sempre como o G em "Gota", nunca como o G em Girafa ou
      Gente.
      J: como X em "Xícara".
      R: sempre como o R em "caRo".
      S: sempre soa como o S em "Sapato", mesmo no fim ou meio das
      palavras.
      X: sempre soa como X em "fluXo".
      Z: sempre soa como TS em "TSé-TSé".

      Em Volapük cada letra deve ser pronunciada de modo claro e preciso!

      Pratique com os numerais de um a dez:

      * bal, tel, kil, fol, lul, mäl, vel, jöl, zül, deg.

      Pratique estas palavras de uma sílaba:

      * flor (flor), hit (calor), fluk (fruta), nif (neve).

      Palavras com mais de uma sílaba são sempre lidas como
      oxítonas (a
      última sílaba é pronunciada mais fortemente). Pratique:

      * floRÜP ("flor-tempo" = Primavera)
      * hiTÜP ("calor-tempo" = Verão)
      * fluKÜP ("fruta-tempo" = Outono)
      * niFÜP ("neve-tempo" = Inverno)

      Tente pronunciar 2 vogais consecutivas: rein = chuva (pronuncie:
      re-IN)
      Tente pronunciar 3 vogais consecutivas: neai = nunca (pronuncie:
      ne-a-I)

      Uma última dica importante: Tente criar o hábito de pronunciar
      toda
      palavra em voz alta! Talvez você se sinta pouco autoconfiante no
      começo, mas você em breve se tornará acostumado aos sons da
      língua, os
      quais nem todos são iguais aos sons que você está acostumado
      a ouvir
      no português. Além disso, ganha-se mais confiança desse modo!

      Dê uma olhada nas seguintes palavras e as leia em voz alta:

      at = este, esta

      bi = porque, pois

      binön = ser/estar

      blod = irmão

      böd = pássaro, ave

      bür = escritório

      büsidan = homem de negócios, executivo

      cil = criança

      dom = casa

      e = e

      ekö = eis/ aqui está (estão)

      famül = família

      flor = flor

      gretik = grande, extenso

      gudik = bom, boa

      gudiko = bem

      in = em (lugar)

      jönik = bonito (a), gracioso (a)

      jul = escola

      julan = aluno (de escola)

      kel = que, quem, o qual

      lärnön = aprender

      lödön = viver, morar, habitar, residir

      nem = nome

      niver= universidade

      nuf = telhado



      nulädik = moderno (a)

      ofik = dela, sua

      omik = dele, seu

      reidön = ler

      saidiko = suficiente(-mente), bastante

      sekretan = secretária (o)

      smalik = pequeno

      sol = sol

      sör = irmã

      Spanyän = Espanha

      stral = raio

      studön = estudar

      tefik = relativo a

      tidön = ensinar

      timül = momento

      topön = localizar-se, estar situado

      ün = em (tempo)

      vakenön = estar de férias/de folga

      vemo = muito; bastante

      vifik = rápido, veloz

      vilön = querer

      vobön = trabalhar

      vöd = palavra

      yan = porta

      yunik = jovem (adjetivo)

      zif = cidade; município

      Em Volapük não há uma palavra específica que sirva de
      artigo
      indefinido, como um/uma do português; também o Volapük
      não usa uma
      palavra específica como artigo definido, como o/a/os/as do
      português,
      porém há circustâncias especiais em que um uso semelhante ao
      do artigo
      é feito, o que será visto nas lições posteriores.

      Como em grande parte das palavras em português as palavras em
      Volapük
      formam o plural com a simples adição de um -s no final.

      Palavras que terminam em -ik são adjetivos, palavras que terminam
      em
      -o são advérbios, e palavras que terminam em -ön são
      verbos. Preste
      atenção também como todos os substantivos começam e terminam
      com uma
      consoante.

      1. Em Volapük, os sufixo -il e ajuntado às palavras para se dar
      a
      idéia de pequenez (diminutivo). Em vez de dizer jul smalik,
      você pode
      dizer a palavra julil, que é mais curta porém conserva o mesmo
      significado. Por outro lado, um jeito mais extenso de dizer zifil
      seria zif smalik!

      1a. Como diríamos em português:

      * büril, domil, cilil, söril, blodil, famülil
      * Agora faça algumas por sua conta!

      2. Outro sufixo é -an. Ele denota o membro de uma profissão,
      sociedade, país, filosofia ou outra disciplina.

      2a. Como você diria em Volapük:

      * escriturário (funcionário de um escritório), homem de
      negócios
      (executivo), inquilino, aprendiz, leitor, estudante, trabalhador
      (operário)

      3. Os pronome pessoais em Volapük são:

      * ob / obs = eu / nós
      * ol / ols = tu (você) / vós (vocês)
      * om / oms = ele / eles
      * of / ofs = ela / elas
      * on / ons = isso/ele/ela // essas coisas/eles/elas/ [neutro ou
      gênero misto]

      Essas palavras são, claro, usadas em separado, mas eis como elas se
      juntam à ação verbal!
      Em primeiro lugar procure um infinitivo, remova o final -ön, e
      proceda como se segue:


      BINÖN = SER/ESTAR

      binob = sou/estou binobs = somos/estamos

      binol = és/estás (você é, está) binols = sois/estais
      (vocês são, estão)

      binom = ele é/está binoms = eles são/estão

      binof = ela é/está binofs = elas são/estão

      binon =isso é/ele é/ela é(está) binons = essas coisas
      são/eles
      são/elas são(estão) [neutro ou gênero misto]


      3a. Escolha mais alguns verbos e pratique-os, como acima!

      4. Você perceberá que vilob (= quero) mais lärnön (=
      aprender)
      corresponde exatamente a "Quero aprender" em português -- vilob
      lärnön. Se dissermos Ob vilob lärnön, está-se dando
      ênfase, porque o
      ob aparece duas vezes -- "Eu quero aprender!"

      4a. Diga em Volapük:

      * Ele quer trabalhar, eles querem ensinar, eu quero ler, ela quer
      sair de férias

      5. Agora vem a parte mais interessante! Leia as seguintes
      apresentações e diga-as em voz alta. Glidis! é como dizemos
      "oi; olá"
      em Volapük!

      Glidis! Binob Samül. Binob studan in niver. Ekö famülans
      obik:
      Fat obik binom büsidan. Vobom in bür nulädik. Nem omik binon
      "Robert".
      Mot obik binof tidan. Tidof in jul smalik. Nem ofik binon "Lisabet".
      Sör obik binof sekretan. Vobof in bür gretik in zif. Ün
      timül at
      vakenof in Spanyän. Nem ofik binon "Janin".
      Blod yunik obik binom cil. Binom julan. Nem omik binon "Peter".
      Lödobs in dom gretik e nulädik in zifil jönik.

      * Lärnod telid / Lição 2
      * Índice do Volapük Vifik
    Your message has been successfully submitted and would be delivered to recipients shortly.