Loading ...
Sorry, an error occurred while loading the content.
 

[RN] MS NOTÍCIAS: MAIS CARTAS DE ATEUS INDIGNADOS COM PROMOTOR

Expand Messages
  • Daniel
    MS NOTÍCIAS, 09-02-2011 OUTRO ATEU SE SENTE INDIGNADO COM DISCURSO DE PROMOTOR Continuam chegando manifestações de ateus contra declarações atribuídas ao
    Message 1 of 1 , Feb 9, 2011
      MS NOTÍCIAS, 09-02-2011

      OUTRO ATEU SE SENTE INDIGNADO COM DISCURSO DE PROMOTOR

      Continuam chegando manifestações de ateus contra declarações atribuídas ao promotor público Sérgio Harfouche, de Mato Grosso do Sul. Veja a íntegra de mais este:




      Prezados,

      Diante do discurso proferido pelo senhor promotor, Sergio Harfouche a qual transcrevo abaixo não tenho outra opção a não ser me manifestar:

      "Digam-me os ateus como eles têm contribuído para a recuperação da vida, que deixarei de dizer que Deus é o caminho para a salvação".

      Primeiro cabe descobrir o que o senhor promotor quis dizer com "recuperação da vida" pois se ele diz com relação a medicina e a ciência como um todo, não podemos sequer argumentar, podemos no máximo dizer "vossa excelência conhece muito pouco dos cientistas que mudaram o mundo e levaram a expectativa de vida a patamares (oitenta anos em média para alguns paises) jamais sonhados, em sua grandee maioria, todos eles ateus.

      Mas a discussão não é essa, o que me incomoda é o desejo de saber, por que diabos, nos ateus, temos de ser sempre lembrados de nossa condição, supostamente inferior. Porque diante de uma obra, supostamente filantropica e de grande importância social, a dignissima autoridade publica, tem de, mais uma vez, se referir a nós, cidadãos de bem, honestos e completamente normais, como indignos. Na cabeça do querido promotor de justiça (divina pelo jeito), um ateu jamais ajuda a sociedade? deveriamos aceitar que um membro do poder público, em um discurso oficial, emita esse tipo de opinião (sem nenum dado que a comprove a nao ser os delirios de um crente)? Não seria essa mais uma, das inumeras afrontas a laicidade do estado, ou simplesmente mais uma manifestação pública do preconeito que nós, Ateus, temos de sofrer apenas por não concordarmos com idéias dogmáticas e sem nenhum respaldo da realidade.

      Enfim, fica meu protesto e repúdio por mais uma demonstração, infeliz, do preconceito que sofremos.

      Rodrigo Diniz Pinto [i]

      http://www.msnoticias.com.br/?p=ler&id=57850
    Your message has been successfully submitted and would be delivered to recipients shortly.