Loading ...
Sorry, an error occurred while loading the content.

2212Sob o olhar dos viajantes - Serie de TV volta aos tempos do Brasil Colonia

Expand Messages
  • Jesiel Oliveira Filho
    Jun 29, 2013
    • 0 Attachment
      http://www.revistadehistoria.com.br/secao/reportagem/sob-o-olhar-dos-viajantes

      Sob o olhar dos viajantes

      Sob o olhar dos viajantesSérie de TV volta aos tempos do Brasil Colônia e reconstrói imagem do país cultivada por visitantes que passaram por aqui. Produção também conta com depoimentos atuais de historiadores e sociólogos Alice Melo28/6/2013 Tamanho da letra: Aumentar Diminuir Comentar essa matéria Versão para impressão Envie essa matéria para um amigoMulher Tupinambá de Albert EckhoutDurante muitas décadas, a imagem do Brasil foi construída pelo olhar estrangeiro. Fosse por meio de documentos escritos ou através de desenhos e pinturas: os hábitos da população indígena, as paisagens naturais e a fauna tropical chamaram muita atenção dos europeus. Foi apenas no século XIX que o país começou a escrever sua própria História – ainda que sob influência do pensamento Ilustrado. Com estreia prevista para este sábado (28), o segundo episódio da série Brasil no olhar dos viajantes, da TV Senado, busca fazer uma analogia entre a imagem do Brasil hoje e a captada pelos visitantes de outrora.Entre entrevistas com especialistas e utilização de muito material da época, a produção foca no século XVII e recupera os caminhos do ouro, o trabalho árduo dos escravos e o esforço de colonização por parte da coroa portuguesa, neste lado do Atlântico. “As narrativas produzidas por esses viajantes e as imagens que traziam apresentavam ao mundo letrado um lugar desconhecido, distante e exótico�, comenta João Carlos Fontoura, diretor do projeto. “Boa parte desse acervo servirá como referência para os nossos intelectuais que, séculos depois, teriam a missão de construir uma nacionalidade brasileira�, acrescenta.Fontoura relata que o projeto está em produção há dois anos e conta apenas com apoio de instituições públicas. Por enquanto, lá se foi metade dos esforços. O primeiro episódio, que contava um pouco de histórias do Brasil pré-colonial, estreou no ano passado e está inclusive disponível para download. Já o terceiro e último oscilará entre os séculos XVIII e XIX, com lançamento previsto para dezembro. A produtora do material, Lorena Maria e Silva, conta que, inicialmente, a equipe da TV Senado pensou em produzir apenas um documentário, mas se deparou com uma riqueza tão grande de fontes e pluralidade de temas, que decidiu desmembrar a ideia e prolonga-la numa série.Leia tambémDescobrimentos - A aventura de criação do mundoO mundo é um ovo de ColomboA dura vida dos navegantes“O Senado tem uma gráfica e, há um tempo, publicou uma coleção sobre viajantes. Quando descobrimos isso, vimos que o tema era pouco explorado pelo audiovisual, apesar de ser bem didático e rico em ilustrações�, conta ela. Para trazer o material para o presente, a equipe entrevistou pesquisadores que dialogam com o tema, como os historiadores Ronaldo Vainfas, da UFF, Evaldo Cabral de Mello, presidente do IHGB, e a socióloga Mariza Veloso, professora da UNB.Em conversa com a RHBN, Veloso parabeniza a iniciativa e diz que o assunto precisa ser discutido em larga escala, já que inclui assuntos que estão sendo revistos hoje, pela própria historiografia. “Achei que foi um programa excelente, rico. Hoje há um grande debate sobre as teorias coloniais tendo em vista as interpretações de como nós somos e fomos considerados – tanto externa quanto internamente�, observa.No que diz respeito ao episódio que estreia neste sábado, o espectador tem acesso a trechos de relatos do humanista Gaspar Barleus, do médico e naturalista Willem Piso e obras do pintor Albert Eckhout. Após a estreia da obra, às 21h30, na TV Senado, o público pode revê-la na internet, no site do Senado, assim como fazer download dela e demais produções da equipe.