Loading ...
Sorry, an error occurred while loading the content.
 

Re: [jw] BitTorrent entra em canoa furada

Expand Messages
  • Marcelo Sander
    Acho que a idéia do Bram Cohen não é ficar rico, mas sim dar um sossega leão na indústria do cinema e tentar evitar possíveis processos se aliando a
    Message 1 of 2 , Feb 28, 2007
      Acho que a idéia do Bram Cohen não é ficar rico, mas sim dar um sossega leão
      na indústria do cinema e tentar evitar possíveis processos se aliando a
      eles.
      "Vou vender vídeo legal no site pra agradar a indústria, mas não posso fazer
      nada se os usuários continuarem postando vídeos piratas".
      Perguntas: Pra que eu vou ficar mais de 5 horas (dependendo da conexão)
      baixando um filme se eu posso ir na locadora e em 10 minutos assisti-lo na
      tevezona ao invés do computador? Se depois de baixar eu colocar o vídeo
      nesses programas de encodar e gerar um .mpg, .vob ou .avi dele, essa
      proteção de 24 horas/30 dias desaparece?
      E nem existe só torrent no mundo do compartilhamento. Tem emule/donkey,
      sites de upload tipo 4shared.com, ftp, soulseek, miRC, etc...

      Abraço,
      Marcelo Sander

      Em 28/02/07, Mitchel <mitchel.psico@...> escreveu:
      >
      > Eu já vi essa história antes, com um tal de Napster. Realmente, uma
      > porcaria..
      >
      > Ainda bem que o protocolo é livre e aberto, e essa cobrança só se refere
      > ao serviço de hospedagem e catalogação dos arquivos no site BitTorrent.com
      > .
      >
      > Como eu escrevi em um post no 3pontozero.net, "enquanto isso, sites como
      > o TorrentBR (http://www.torrentbr.com.br) e The Pirate Bay
      > (http://thepiratebay.org) oferecem o mesmo serviço, com um catálogo
      > ainda mais variado, alimentado por usuários do mundo inteiro. E sem DRM".
      >
      > Mitchel
      >
      > José Antonio escreveu:
      > > Tá certo que o Bram Cohen precisava achar um bom modelo de negócios e
      > ficar
      > > rico. Mas precisava fazer esta porcaria?
      > >
      > > "Pelo acordo, a BitTorrent disponibilizará o download de filmes e séries
      > de
      > >
      > >> TV. O usuário poderá ver o arquivo dentro de um período de 24 horas.
      > Após
      > >> este prazo, uma chave bloqueia a execução do filme. Os arquivos vão
      > custar
      > >> entre US$ 1,99 e U$3,99."
      > >>
      > >>
      >
      >
      >


      [Non-text portions of this message have been removed]
    Your message has been successfully submitted and would be delivered to recipients shortly.